Conjunto Nacional

Vista ampla da fachada do Conjunto Nacional - Consolação - São Paulo
Conjunto Nacional
Projeto do arquiteto David Libeskind e inaugurado em 1956, o Conjunto Nacional foi idealizado a principio para ser um hotel, porém como não houve aprovação da Prefeitura na época para ser instalado um hotel no local o projeto foi mudado e tornou-se um dos primeiros prédios multifuncionais da cidade. Localizado na Avenida Paulista esquina com a Rua Augusta, Consolação, o Conjunto possui função e ocupação mista, dividindo seu extenso espaço construído com residencias, comércios, empresas de serviços e de lazer, além de ser um dos principais pólos culturais de São Paulo. 
O complexo é composto por uma parte horizontal, onde ficam os comércios, serviços e lazer / cultura (considerado o primeiro shopping center da América do Sul), o Edifício Guayupiá, residencial  e dois comerciais: Horsa I (escritórios e consultórios)  e Horsa II (grandes empresas). No passado já abrigou o antigo restaurante Fasano, com seus shows internacionais e também o Cine Astor, o mais luxuoso de sua época.
O Conjunto é também considerado um centro cultural, por abrigar a maior livraria em área construída da América Latina, a Livraria Cultura e uma unidade da Caixa Cultural, onde são realizadas exposições de arte e apresentações de teatro e dança, além de um aparelho cultural próprio, o Espaço Cultural Conjunto Nacional.
O Conjunto Nacional é considerado um dos cartões postais da Cidade de São Paulo e é sempre lembrado pelo gigantesco relógio luminoso instalado em seu topo desde 1960. O Complexo é tombado pelo Condephaat desde 2005.
Localização: Avenida Paulista, 2073 - Cerqueira César
#saopaulo #descubrasampa #sp #sampa #sergiobrisola